Entrevista ao Paramore Espanha

Durante a passagem do Paramore pela Espanha, a banda concedeu uma entrevista ao Paramore Espanha, que é o maior fã clube da banda no país. Confira abaixo a tradução:

PE – O que vocês gostariam de alcançar com o próximo disco?
Hayley: Ai meu Deus… Quero começar a escrever primeiro.
Jeremy: Gostaríamos que tivesse muitas músicas… quem sabe uma intro…
Taylor: Sim, só não sei se temos uma visão ou um plano ainda, mas queremos começar a escrever mais que tudo, para ter novas músicas para os fãs e os tours. Assim, esse é o plano.

PE – Com que músicas vocês mais se identificam e por quê.
Hayley: De todas as músicas que tocamos no set?
PE – De todas…
Hayley: Ou qualquer uma? Meu Deus… é muito difícil.
Taylor: Acho que é Monster.
Hayley e Jeremy: Sim, Monster.
Taylor: Todos somos monstruosos.
Hayley e Jeremy: Sim. Sim.

PE – O que acham das boas-vindas de Monster e sobre a música em geral?
Jeremy: Antes de tudo, é incrível poder tocar novas músicas sem ter um disco novo ainda. É emocionante e ainda nos mantém empenhado em relação ao novo álbum. E principalmente o fato de nossos fãs interagindo com essa música, desfrutando dela, segurando cartazes e essas coisas, é muito legal. Nos mantém animados com o novo disco.

PE – Sempre expressaram seu afeto pelos fãs mas o que vocês sentem quando eles dizem que sua música mudou a vida deles, que os salvou?
Hayley: Às vezes nos ajuda a passar o dia, honestamente. Digo, somos muito abençoados por conhecer pessoas ao redor do mundo só pela música, sabe? E nos sentimos bem em saber. Já sabem, algumas dessas músicas nós escrevemos em momentos difíceis de nossas vidas e saber que esse momento ruim teve um propósito de fazer alguém se sentir melhor, isso realmente ajuda muito.

PE – O que vocês acharam que os fãs iam pensar depois desses meses tão duros? Esperavam o apoio que têm agora?
Taylor: Oh, digo: estávamos realmente nervosos e é surpreendente o apoio que eles nos tem dado. Coisas que eram incontroláveis, coisas que não gostaríamos que acontecessem, aconteceram e estamos fazendo o que podemos para superá-las e está sendo muito mais fácil com o amor e o apoio que vocês tem nos dado. E sim, estamos passando por isso muito melhor que em outras vezes, porque nós amamos estar neste grupo e esperamos seguir com ele por muito tempo.


PE 
– Se não cantassem, nem tocassem guitarra nem baixo, o que gostariam de fazer na banda?
Jeremy: Na banda?
Hayley: Sim, se não fizéssemos o que fazemos agora.
Taylor: Eu tocaria bateria.
Jeremy: Eu também.
Taylor: Seríamos dois bateristas.
Hayley: Ah, bom, então eu tocaria baixo e seríamos uma banda instrumental. Na verdade, minhas mãos não são suficientemente grandes para tocar baixo.
Jeremy: Bem, eu não sei, eu acho que você deveria tocar bateria então.
Hayley: É, alguma coisa assim.
Taylor: Pois bem, 3 baterias.

PE – Essa é sua segunda vez na Espanha, mas a primeira tocando como uma banda. Que impressão vocês tiveram dos fãs quando vieram para o EMA?
Hayley: Bem, aquilo foi muito rápido… foi como um show, sabe? Muito atarefado. Mas tentamos entrar na cidade e já sair.
Jeremy: E das duas vezes foi durante a noite, quando o sol já havia se escondido… e víamos coisas e era tipo… ‘Olha isso, que legal!’ e ‘esse outro, incrível!’.
Hayley: Mais legal que isso é que todo mundo está acordado a essa hora e como a cidade está ‘em funcionamento’.
Jeremy: Sim, o restaurante da noite está aberto até 8:30 e esse.. esse é o nosso estilo.
Hayley: Algo assim estaria ótimo pra gente na estrada, porque nossas noites começam às 8 ou 9.

PE – Hoje é seu primeiro concerto na Espanha e esperamos que haja muitos outros. O que esperam dessa noite?
Hayley: Vai ser super legal.
Taylor: Estamos muito animados.
Jeremy: Tem fãs que estão ai fora na fila há 5 dias esperando por isso.
Hayley: Isso é emocionante, nunca esperei 5 dias na fila pra nada. Isso é muito legal.
Jeremy: Nem eu. Mas enfim, é muito legal ver todo o apoio que temos aqui, inclusive quando nós estamos querendo vir há tanto tempo, isso nos emociona bastante.

PE – Já provaram algum prato espanhol ou visitaram algum lugar em Madri?
Hayley: Como se chama aquilo que comemos ontem?
Taylor: Paella. Estava ótima. O que era aquele negócio frito que tinha batatas e presunto?
PE – Seria tortilla?

Taylor: Sim, sim, sim, não sabia como falar isso.
Hayley: Sim, e também tortilla espanhola foi o que comi hoje à noite, estava muito boa. Muito boa.

PE – Há algo que queiram dizer aos fãs espanhóis?
Hayley: Obrigada, muito obrigada, obrigada por fazer tudo isso por nós, significa muito.
Taylor: Gracias.
Jeremy e Taylor: Muchas gracias.”
Traduzido por: Choose Paramore BR

Postado por: Thaís Caroline.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s